Pular para o conteúdo principal

Palhaçada (não tem outro nome)


Jornal do SBT edição de 05/06/15, a noite, com matérias compradas (ou encomendadas, ou os dois) acerca do movimento LGBT:

1 - Matéria "chocante" sobre crime "motivado por homofobia", com direito a entrevistas, muitas imagens e etc (que chama a atenção do povão);

2 - Ato contínuo, matéria sobre parada gay, noticiada pela Raquel Sheherazade , visivelmente desconfortável: "parada gay diminui participantes, mas aquece economia", com direito a também entrevistas de gerente de hotel, turistas (até internacional), associação do evento com o Natal (quanto a movimento no comércio) e carnaval (quanto a diversão).


Vamos pensar?

1 - Somente imaginando que o povo brasileiro é burro para não entender o pastelão armado no jornal. Realmente partem do princípio que as pessoas recebem as matérias de maneira passiva, sem uma análise crítica. 

2 - A apelação foi: 
2.1 - Gays são vítimas, tadinhos, o mundo precisa protegê-los;
2.2 - Gays são pessoas de bem;
2.3 - A fenômeno homossexual é tão bom para a sociedade que transborda até para a economia - e isso "num momento de crise [econômica]" (essa última frase foi literalmente dita na matéria).
2.4 - Em nome disso tudo, vale "toda forma de amor", "sejam bem vindos, e abram suas carteiras, a sociedade os aceita, já que vocês são bonzinhos, vitimas pela violência (e tem dinheiro para gastar)".

3 - No entanto...: TODOS são vítimas de violência. O médico que morreu recentemente na Logoa (no Rio de Janeiro), era hétero (pelo menos não foi noticiado que era gay, pois tinha família natural, tradicional). Todas as notícias de violência mostradas TODOS OS DIAS, em todos os jornais (e que só tem aumentado) abrangem a população, independente da escolha sexual de cada um. Querer pegar um problema social e usar de bandeira para vitimização é patético!

Por fim: 

Querem tentar ganhar aceitação social por meio do apelo emocional, da economia e da lei humana (esta a força), até porque jamais conseguirão aprovação da prática por parte de Deus, embora, quanto as pessoas, Ele as ame e as aceita como são, para:
1 - Dar-lhes perdão dos seus pecados, caso se arrependam, e se adequem a vontade dEle (e não ao contrário);
2 - salvá-las e lavá-las pelo sangue de Jesus, convertendo-as; 
3 - mudar suas vidas e histórias, santificando-as. Exatamente como Ele faz com qualquer pessoas que se aproxima do Evangelho; seja gay ou hétero. Ele opera e coloca-nos em Seus caminhos imutáveis, posto serem perfeitos, a saber, revelados na Bíblia Sagrada.

"[Deus] ...deseja que todos os homens sejam salvos e cheguem ao conhecimento da verdade" - 1 Timóteo 2:4

O povo está cego? Nem tanto... muitas pessoas têm cedido a opinião da massa, contrária à sua própria criação, e aos valores de Deus, porque as tais já se corromperam, e não querem abandonar o pecado - mesmo tendo o conhecimento de Deus. 

"Segui a paz com todos, e a santificação, sem a qual ninguém verá o Senhor" - Hebreus: 12. 14.

Este é o bem para  sociedade, instituído por Deus e não pelo homem:

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A experiência de continuar sendo salvo

Convido você a assistir este vídeo onde exponho a mensagem bíblica: "A experiência de continuar sendo salvo".



Gostou do vídeo? Compartilhe no Facebook, no Twitter e nas demais plataformas usando a ferramenta abaixo. Sugira novos temas. Deixe seu comentário abaixo.

FORMATURA CASADOS PARA SEMPRE - Turma IBMA 2012 / 1º Semestre

O Curso "Casados para sempre" tem alcançado pessoas ao redor do mundo todo com uma visão bíblica sobre casamento.
No dia 03 de junho de 2012 tivemos a formatura da primeira turma da Igreja Batista Maysa I, pela graça e bençãos de Deus.

A formatura aconteceu no culto de domingo a noite, e o pastor nos repassou a direção do mesmo, assim fizemos um culto das famílias para Deus. O Senhor nos abençoou com uma Palavra edificante e profunda, confirmando cada vez a suficiência da Bíblia em fornecer toda a direção necessária para a vida humana, sobretudo familiar, por meio da fé em Jesus Cristo, com a ação do Espírito Santo, pela graça de Deus.

Os casais tiveram o momento de testemunhar e cada cônjuge falou aquilo que Deus fez nas suas vidas, o que começou e está continuando. Falaram das aulas que mais gostaram e incentivaram, de livre vontade, os presentes a fazerem o Casados para Sempre. Todos os testemunhos, sem exceção, foram sinceros e demonstraram aquilo que Deus operou por mei…

GRANDES projetos, mas sem DEUS (Julio Oliveira Sanches)

Na vida diária temos muitos detalhes que fazem a diferença para os sucessos que desejamos (no sentido de objetivos serem atingidos). Escrevendo para O Jornal Batista (Ano CXIII, Edição 10), o pastor Julio Oliveira Sanches comentou acerca de grandes projetos que essa era tem feito, mas excluindo Deus, e, portanto, as consequencias colhidas. Preste muita atenção nas suas colocações, pois foi exatamente o que me fez escolher este artigo para a semana. Os destaques são meus. Confira na íntegra abaixo:

Faz parte da natureza corrompida pelo pecado "sonhar” grandes projetos para Deus, mas sem respaldo da aprovação divina. Uma tentativa de comprar os favores divinos e compensar os pecados não confessados e não perdoados. Deus não é consultado, tampouco participa da elaboração e execução das megalomanias humanas. O nome de Deus é citado como fetiche aprovador das maluquices humanas. Cabe a Deus dar a aprovação final com suas bênçãos para que o sucesso alimente os egos desequilibrados dos q…