Pular para o conteúdo principal

Não ofenda a Deus, só porque Ele te ama.

Lendo algumas postagens no Facebook ontem e hoje, e interagindo com uma delas, formatei o pensamento abaixo e um pouco do texto seguinte.

"Não ofenda a Deus, desonrando à Sua Palavra de Pai, só porque Ele te ama" (eu postei ontem na minha página).

Algumas pessoas sentem-se "ofendidas" em se comentar qualquer questão que desaponte suas "opiniões". Ou seja, é uma falta de respeito com o outro, pois somente sua própria opinião é válida, a minha não pode ser proferida, senão... forca! (Isso me cheira a inquisição). Contudo estas mesmas pessoas não se importam em ofender a Deus com suas práticas. Deveríamos ter esta preocupação sobretudo porque Ele nos ama. Respeitar a Deus com atos e não somente com palavras bonitas acerca dEle ou do Seu amor. Antes de "se respeitar", repeite a Ele. Às vezes o que você acha que deve respeitar em você é pecado para Deus, você deve enxergar melhor, não com a opinião de outra pessoa, mas com a Bíblia. Esclarecendo isso, então você deve é assumir sim sua condição (confissão), mas para buscar dEle a solução.

Estamos no século 21 com a mesma Palavra de Deus, que é eterna. O ser humano vai caminhando e perdendo valores, a Palavra de Deus mantém-se em santidade, independe de tempo, porque sempre foi e sempre será perfeita. Portanto, considerando não vivermos em extremos humanos de religiosidade, a postura de não se misturar em práticas pecaminosas está correta. Damos bom exemplo de Cristo estando no meio das pessoas, convivendo com elas normalmente. Porém, melhor exemplo ainda é quando causamos espanto ao recusarmo-nos a ter envolvimento com as práticas do mundo. 

1 Pedro 4:3-4: "No passado vocês já gastaram tempo suficiente fazendo o que agrada aos pagãos. Naquele tempo vocês viviam em libertinagem, na sensualidade, nas bebedeiras, orgias e farras, e na idolatria repugnante. Eles acham estranho que vocês não se lancem com eles na mesma torrente de imoralidade, e por isso os insultam". (NVI)

Só que hoje as pessoas são manipuladas pelo opinião de um personagem da novela(!) - que é o seu autor. Famílias se destroem pela quantidade de impureza que flui nas tramas. Não gosto de pessoas manipuladas pela opinião da mídia. Tal "onda" logo ganha força na massa de pessoas que contém o pecado em si e que gostam do que ouvem, apoiando que "tudo pode", "tudo serve", "tudo está certo". Depois, qualquer um que pensar diferente disso está excluído do rol de "normal" ou "moderno".

Ontem ainda ouvi o relator de um caso no STF dizendo que "será que as pessoas pensam que o povo deve ser tutelado pelo Estado"? Tutelado não, mas abandonado à sua própria direção também não. Orientado seguramente que sim, as notícias a cada dia são a prova disso. O ser humano é exposto a coisas as quais não tem controle, coisas que aguçam o pecado. O ser humano não pode ser exposto à "autonomia". Deve ser guiado pela Palavra de Deus. Isto tudo entendendo, compreendendo, pensando; porque Deus não manipula.

Se Deus manipulasse, Ele não deixaria Eva comer do fruto. Foi escolha pessoal. A maior lição dessa Terra é: escolha.

Alguns poderão questionar dizendo que mesmo que façam a escolha de obedecer a Deus (livre-arbítrio) não conseguem praticá-la (escravidão do pecado). Como disse Paulo em Romanos 8, "graças a Deus por Cristo Jesus". É na pessoa dEle, na Sua obra, por Seus méritos, que é possível rompermos essa barreira, por Sua graça, e nos vermos livres da servidão ao pecado, tendo acesso a Deus.

COLOSSENSES 1 (NVI)
10 - E isso para que vocês vivam de maneira digna do Senhor e em tudo possam agradá-lo, frutificando em toda boa obra, crescendo no conhecimento de Deus e
11 - sendo fortalecidos com todo o poder, de acordo com a força da sua glória, para que tenham toda a perseverança e paciência com alegria,
12 - dando graças ao Pai, que nos tornou dignos de participar da herança dos santos no reino da luz.
13 - Pois ele nos resgatou do domínio das trevas e nos transportou para o Reino do seu Filho amado,
14 - em quem temos a redenção, a saber, o perdão dos pecados. 

Pense na escolha que fará com o conhecimento de que Deus ama você.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A experiência de continuar sendo salvo

Convido você a assistir este vídeo onde exponho a mensagem bíblica: "A experiência de continuar sendo salvo".



Gostou do vídeo? Compartilhe no Facebook, no Twitter e nas demais plataformas usando a ferramenta abaixo. Sugira novos temas. Deixe seu comentário abaixo.

FORMATURA CASADOS PARA SEMPRE - Turma IBMA 2012 / 1º Semestre

O Curso "Casados para sempre" tem alcançado pessoas ao redor do mundo todo com uma visão bíblica sobre casamento.
No dia 03 de junho de 2012 tivemos a formatura da primeira turma da Igreja Batista Maysa I, pela graça e bençãos de Deus.

A formatura aconteceu no culto de domingo a noite, e o pastor nos repassou a direção do mesmo, assim fizemos um culto das famílias para Deus. O Senhor nos abençoou com uma Palavra edificante e profunda, confirmando cada vez a suficiência da Bíblia em fornecer toda a direção necessária para a vida humana, sobretudo familiar, por meio da fé em Jesus Cristo, com a ação do Espírito Santo, pela graça de Deus.

Os casais tiveram o momento de testemunhar e cada cônjuge falou aquilo que Deus fez nas suas vidas, o que começou e está continuando. Falaram das aulas que mais gostaram e incentivaram, de livre vontade, os presentes a fazerem o Casados para Sempre. Todos os testemunhos, sem exceção, foram sinceros e demonstraram aquilo que Deus operou por mei…

GRANDES projetos, mas sem DEUS (Julio Oliveira Sanches)

Na vida diária temos muitos detalhes que fazem a diferença para os sucessos que desejamos (no sentido de objetivos serem atingidos). Escrevendo para O Jornal Batista (Ano CXIII, Edição 10), o pastor Julio Oliveira Sanches comentou acerca de grandes projetos que essa era tem feito, mas excluindo Deus, e, portanto, as consequencias colhidas. Preste muita atenção nas suas colocações, pois foi exatamente o que me fez escolher este artigo para a semana. Os destaques são meus. Confira na íntegra abaixo:

Faz parte da natureza corrompida pelo pecado "sonhar” grandes projetos para Deus, mas sem respaldo da aprovação divina. Uma tentativa de comprar os favores divinos e compensar os pecados não confessados e não perdoados. Deus não é consultado, tampouco participa da elaboração e execução das megalomanias humanas. O nome de Deus é citado como fetiche aprovador das maluquices humanas. Cabe a Deus dar a aprovação final com suas bênçãos para que o sucesso alimente os egos desequilibrados dos q…